• Facebook
  • Twiiter
  • Instagram

Notícias

12/06/2018

Campanha nacional de vacinação contra a gripe termina na sexta-feira (15)

A dona de casa Leotina Machado, grávida de 33 semanas, faz parte do grupo que tem direito a tomar, gratuitamente, a vacina contra a gripe em uma das unidades de saúde do Estado. A campanha nacional de vacinação contra a gripe termina na sexta-feira (15). Até o momento, o Paraná alcançou 82% da meta de vacinação.

“É uma preocupação que deve ser considerada, uma vez que sabemos é melhor se prevenir do que correr o risco de pegar a doença”, afirma Leotina. “Só vim no final da campanha porque estava resfriada e esperei melhorar para receber a dose de proteção”, acrescentou.

Dentro do grupo de risco, a preocupação está mais voltada para as pessoas que apresentam doenças crônicas, as gestantes e as crianças com idades entre seis meses a quatro anos. Este grupo está com índice de vacinação abaixo da média.

“O grupo de risco é formado por pessoas mais vulneráveis a contrair a gripe e, por consequência, são pessoas que podem apresentar manifestações clínicas mais severas da doença”, explica Antônio Carlos Nardi, secretário de estado da Saúde.

Os pais e os responsáveis pelas crianças de 0 a 6 anos de idade devem aproveitar o período de campanha para proteger e se prevenir contra os vírus que podem provocar a doença.

“Em questão de saúde, devemos nos organizar para aproveitar o período da campanha e proteger as crianças contra os vírus da gripe, além de poder atualizar a carteira de vacinação dos nossos filhos”, diz o designer Thiago Pinto, pai de uma criança de quatro anos.

A vacina trivalente protege contra três subtipos do vírus da gripe: H1N1, H3N2 e Influenza B. A expectativa do Ministério da Saúde é atender, até o fim da campanha, mais de 54 milhões de pessoas em todo país.

 

Assista ao vídeo:

 


Saúde

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

  • Transparencia
  • pod-cast radios am fm
  • A Rádio É-Paraná comemora 61 anos.